Rejuvenescimento Íntimo

Rejuvenescimento íntimo é um conjunto de tratamentos não invasivos realizados na região intima feminina. O principal objetivo desses procedimentos, além de devolver a autoestima da mulher mediante as mudanças que a idade pode causar à região, é trazer bem-estar para qualquer tipo de desconforto íntimo.

Com o avanço da idade, é normal que a produção de colágeno do corpo comece a diminuir em todas as regiões no corpo, inclusive na região íntima. Além disso, a queda nos níveis de estrogênio após a menopausa pode causar uma condição chamada atrofia vulvo-vaginal. Por conta disso, muitas mulheres acabam se sentindo desconfortáveis e insatisfeitas com a estética.

A vulva (parte externa da vagina) tem grande influência no comportamento das mulheres, tanto de forma física, como emocional. Por isso, a aparência dessa região pode, sim, ser problema para a saúde sexual das mulheres.

A falta de lubrificação, a assimetria dos pequenos lábios e a dor durante a relação sexual são só algumas das dificuldades que as mulheres enfrentam por conta da idade. O rejuvenescimento íntimo entra para aliviar essas queixas e, consequentemente, a qualidade de vida da mulher.

São muitos os tipos de tratamentos para o rejuvenescimento íntimo, como:

  • FRAXX
  • laser íntimo;
  • peeling;
  • fios de PDO;
  • ninfoplastia;
  • ultrassom de alta intensidade (HIFU).

Vamos conhecer melhor alguns deles:

FRAXX

O sistema FRAXX utiliza uma tecnologia de radiofrequência que distribui energia subablativa de forma precisa. Essa energia causa um impacto significativo na pele com o mínimo dano à epiderme, além de promover a estimulação de fibroblastos, síntese de colágeno e fibras elásticas.

Esse procedimento também permite a regeneração epidérmica dada pela migração dos queratinócitos, melhorando todo o tecido em intervenção. Dessa forma, o FRAXX é indicado para casos como:

Com o uso do FRAXX, a formação de crostas gigantes como as que ocorrem nos peelings profundos, não irá acontecer. Além disso, sua recuperação é bastante rápida, possibilitando que a paciente volte às suas atividades cotidianas quase que imediatamente.

FRAXX permite um tratamento personalizado de acordo com cada tipo de tecido, autorizando diferentes ajustes de profundidade com uma seleção precisa do nível de energia. Com isso, é possível perceber as melhorias como:

  • diminuição da flacidez;
  • clareamento da região íntima;
  • melhoria da relação sexual;
  • melhoria da assimetria que antes causada desconforto;
  • outros.

É um procedimento seguro e não hormonal. Portanto, é uma excelente opção terapêutica para os sintomas da atrofia urogenital que ocorre na perimenopausa. Assim como para pacientes que estão ou que já fizeram tratamento para câncer de mama ou para aquelas que foram submetidas à radioterapia pélvica.

O FRAXX é feito em consultório com o uso de uma anestesia local.

Laser íntimo

laser íntimo é outro procedimento para rejuvenescimento íntimo bastante procurado pelas mulheres.

Ele é um procedimento cirúrgico não invasivo ideal para tratar problemas como a atrofia vaginal, dor durante a relação sexual e até mesmo casos de infecção ou incontinência urinária. Além disso, o uso do laser íntimo ajuda a recuperar o colágeno perdido com a idade e proporciona uma melhor aparência da região íntima feminina.

O laser íntimo vai liberando energia e calor na vulva e na vagina, estimulando a produção de colágeno e da elastina nos tecidos que formam o canal vaginal. O procedimento traz inúmeras melhorias, como:

  • melhoria da lubrificação íntima;
  • combate à incontinência urinária leve e moderada;
  • melhoria da libido;
  • melhoria da relação sexual;
  • outros.

O procedimento, no geral, é bastante tranquilo e seguro. É realizado no próprio consultório médico, além de permitir que a paciente retorne às suas atividades diárias normalmente.

Peeling

peeling da vulva é um procedimento que visa tratar o escurecimento da região íntima, sendo capaz de promover a renovação da pele.

Ele também é um procedimento ideal para melhorar e aumentar a produção de colágeno, como também a elasticidade e hidratação da região íntima feminina. O peeling também pode causar a redução das foliculites, que são as inflamações nos bulbos dos pelos.

peeling de vulva é indicado para todas as mulheres que apresentem algum tipo de desconforto em relação à vulva.

É um procedimento seguro, eficaz e indolor. Consiste na aplicação de ácidos nas áreas que apresentam escurecimento, como: virilhas, parte exterior dos grandes lábios e até mesmo a área perianal.

Esses ácidos fazem com que haja a descamação da pele, ajudando no processo de clareamento da região. Portanto, toda mulher pode fazer o peeling de vulva.

Todas esses procedimentos visam o rejuvenescimento íntimo, e entregam qualidade de vida, conforto e autoestima para todas as mulheres. Cuidar da região íntima também é cuidar da saúde da mulher.

Gostou do artigo? Então acesse o nosso blog e fique por dentro de todos os nossos conteúdos! Não deixe também de seguir a gente no Facebook e Instagram, assim você não perde nenhuma das nossas atualizações.

BLOG