CAF

Afinal, o que é CAF?

CAF é a sigla para CIRURGIA DE ALTA FREQUÊNCIA. Em ginecologia, esta técnica cirurgica é atualmente considerada mundialmente melhor tratamento para as lesoes pré-cancerígenas localizadas no colo do útero.

O tratamento de lesões pré-cancerígenas de colo uterino com a CAF geralmente ocasiona a cura da paciente sem a necessidade de retirada do útero, o que permite que pacientes possam engravidar após a realização do procedimento e impede o desenvolvimento de câncer invasor de colo uterino – atualmente a 5ª causa de morte por câncer em mulheres da região Sul e Sudeste do Brasil.

Para quem a CAF é indicada?

A CAF é indicada para o tratamento de lesões pré-cancerígenas no colo do útero popularmente conhecidas como NIC 2 E NIC 3 causadas pelo vírus HPV (Papiloma Virus Humano). Também é indicada em alguns casos em que ocorra discordância entre exames de papanicolau/colposcopia/biópsia para melhor avaliação.

Essas lesões habitualmente são diagnosticadas através do exame de Colposcopia e da biópsia de colo uterino.

Como é realizado o procedimento?

Na CAF, toda a área alterada é retirada com o auxilio de um bisturi elétrico de baixa voltagem e alta frequência de corrente, capaz de retirar partes de tecido enquanto cauteriza os vasos sanguíneos prevenindo hemorragias e sem causar grades queimaduras ao tecido adjacente.

Trata-se de um procedimento altamente eficaz, seguro e minimamente invasivo, o que pode ser realizado sob anestesia local e sem necessidade de internação hospitalar, desta forma, não há necessidade de estar em jejum e, logo após o término do procedimento, a paciente já será liberada para repousar no conforto de sua casa.

Pós operatório da CAF

A recuperação da CAF costuma ser muito tranquila com poucas cólicas, mas exige alguns cuidados cuidados especiais como:

  • repouso relativo na primeira semana após a realização do procedimento (evitar academia, atividade intensa e tarefas exaustivas laborais e ou domiciliares);
  • abstinencia sexual vaginal durante 30 a 45 após o procedimento;
  • não tomar banho de imersão em piscinas, mar, banheira etc durante 30 a 45 dias após o procedimento;
  • evitar utilização de absorventes internos e coletores mesntruais durante 30 a 45 dias após o procedimento;

A saúde íntima da mulher precisa continuar sendo observada, uma vez que o HPV pode permanecer na região e, às vezes, ocasionar uma nova lesão.

A Femme Surg possui profissionais capacitados e dedicados em sua equipe e oferece a CAF como tratamento! Estamos sempre prontos para atendê-las e tirar todas as dúvidas que tiverem sobre o procedimento. Se você está procurando um lugar de confiança para realizar a CAF em Florianópolis, é só entrar em contato!

Valorizamos o cuidado com sua saúde com o máximo de segurança e confiança possível.

BLOG